Memórias Impressas

Grandes mulheres falaram sobre a vida e o trabalho ao longo dos quase 50 anos da Rolling Stone norte-americana

Redação Publicado em 18/03/2016, às 20h54 - Atualizado às 21h05

J O N I  M I T C H E L L

Ver Galeria
(4 imagens)

J O N I M I T C H E L L

RS 33 Maio de 1969 Anos depois de Bob Dylan assumir a guitarra e frustrar os amantes do folk tradicional, a cantora canadense trazia o gênero de volta aos holofotes

"ULTIMAMENTE, EU NÃO CONSIGO TER CINCO HORAS SEGUIDAS SÓ PARA MIM. ACHO QUE ESTOU MENOS PROLÍFICA, MAS AO MESMO TEMPO DEMANDO MAIS DE MIM MESMA. TENHO MUITAS MELODIAS NA CABEÇA O TEMPO TODO, MAS AS PALAVRAS SÃO DIFERENTES [DE COMO ERAM ANTES]”

T I N A T U R N E R

RS 485 Outubro de 1986

Abandono, abuso físico do exmarido, problemas financeiros: a artista superou tudo isso para se estabelecer, sozinha, como uma gigante da música

“NINGUÉM É CAPAZ DE FAZER EU ME REBAIXAR A SER ALGO QUE NÃO QUEIRA. EU PODIA NÃO SER TÃO BEM VESTIDA QUANTO ÀS FILHAS DO DIRETOR

DA ESCOLA, MAS SEMPRE CUIDEI DO QUE ERA MEU”

D I A N A R O S S

RS 245 Agosto de 1977

No auge, a estrela da Motown trabalhava no musical O Mágico Inesquecível, enquanto paralelamente buscava preencher cada momento com mais metas a cumprir

"NÃO SOU O TIPO DE PESSOA QUE CONSEGUE FICAR SIMPLESMENTE DEITADA, TOMANDO SOL. ORGANIZO O DIA PARA QUE CONSIGA REALIZAR MUITAS COISAS. QUERO APROVEITAR CADA MOMENTO”

J U L I A R O B E R T S

RS 686 Julho de 1994

Na época a atriz número 1 dos Estados Unidos, ela tentava manter a calma enquanto lidava com a sede dos tabloides

“A VERSÃO DELES DA MINHA SEMANA: NA SEGUNDA, ESTOU GRÁVIDA; NA QUARTA, ME DIVORCIEI. E A MINHA VERSÃO: FIZ REUNIÕES, MALHEI,

ME ALIMENTEI BEM – NENHUMA BATATINHA”

J E N N I F E R L O P E Z

RS 862 Fevereiro de 2001

Inabalável, segura e ambiciosa, Jennifer conquistava os universos da música e do cinema buscando não se deslumbrar com a fama

“TRABALHEI EM UM BANCO, E APRENDI UMA COISA: VOCÊ ESTÁ SEMPRE A DOIS SALÁRIOS DE SE TORNAR AQUELE SEM-TETO QUE VÊ NA RUA.

É POR ISSO QUE CONTINUO LUTANDO”