Entre Rimas, Socos, Música e Pontapés (Literalmente)

Com música, rapper Doncesão faz o clima para lutadores se darem bem no octógono do MMA

Marcos Lauro Publicado em 13/04/2012, às 15h40 - Atualizado às 15h41

RAP TEMÁTICO Doncesão já está acostumado a abordar temas específicos na música, do circo ao MMA
ASSIS 176/DIVULGAÇÃO

Ginásio lotado. Os lutadores vão até o octógono e precisam de uma trilha sonora, seja ela uma música de que o atleta goste e sirva para inspiração pessoal ou outra que levante a torcida. O lutador Rodrigo “Minotauro” Nogueira, do UFC, já tem a sua: é “Dia de Luta”, composta pelo rapper, paulistano da Casa Verde, Doncesão. “O convite veio da TapouT [marca de roupas que patrocinava Minotauro]. Eu já havia feito uma trilha para skate e um amigo me convidou para fazer o mesmo no MMA”, explica o rapper. A ideia da marca foi fazer uma ação promocional no primeiro evento de UFC realizado no Rio de Janeiro, em 27 de agosto do ano passado. O resultado foi tão bem recebido que outros lutadores patrocinados pela marca acabaram aproveitando a faixa “Dia de Luta” como trilha também.

Depois de receber o tal convite, Doncesão mergulhou no mundo da luta. E a ideia principal partiu da respiração do lutador, que é um dos pilares para se conseguir um bom resultado em uma luta. “Eu fiz a programação do som baseada na respiração e depois fiz a letra por cima”, diz Doncesão. “Em dois dias estava pronta!”

Aliás, o rapper está acostumado a desenvolver um trabalho baseado em temas previamente determinados. O disco mais recente dele, que completou um ano de lançamento neste mês, gira todo em torno do festivo universo circense: Bem-Vindos ao Circo está disponível para download gratuito e tem 14 faixas, que rimam sobre equilibristas, atirador de facas, domador de leões e outros personagens dessa poética área do entretenimento. “E incluí também situações do nosso cotidiano, que é função do rap. O circo foi um tema que serviu pro meu trabalho chegar a outros lugares”, ele conta. E o UFC, este “circo” da luta, já recebeu Doncesão de braços abertos.