Batendo Mais Forte

Rael troca improviso por produção da badalada dupla Beatnick e K-Salaam

Lucas Reginato Publicado em 13/12/2012, às 15h21 - Atualizado às 15h22

Rael - "Caminhos"
Divulgação

Dois anos depois de dar início à carreira solo com o álbum MP3, o ex-Pentágono Rael abandona o apelido “da Rima” e prepara o lançamento de um segundo disco, desta vez em parceria com o Laboratório Fantasma, selo de Emicida. “O meu trabalho está bem mais maduro”, garante o rapper, “No meu primeiro LP eu tinha feito prarticamente tudo sozinho, no estúdio que um amigo me cedeu.” A produção de Ainda Bem que Eu Segui as Batidas do Meu Coração ficará por conta da dupla Beatnick e K-Salaam, que já tem uma boa experiência no mercado brasileiro por ter trabalhado anteriormente com Emicida. “A música está batendo muito mais forte”, brinca Rael, que convidou gente como Mariana Aydar e Péricles para participar do álbum. O single “Caminho” já foi divulgado, e o álbum completo, com dez faixas, será lançado no primeiro trimestre de 2013.