RÁPIDAS COM... Angela Ro Ro

Cantora e compositora celebra o legado com o DVD Feliz da Vida

Paulo Cavalcanti Publicado em 20/11/2013, às 13h26 - Atualizado às 13h27

PERCURSORA
Angela rompeu fronteiras.
?
Bob Wolfenson

O conceito do DVD

“É bem básico. Eu costumo trabalhar com os músicos perto de mim. Sou uma pessoa simples no palco, sem muita exuberância, porque já sou exuberante demais.”

As canções inéditas

“Tive pessoas maravilhosas para compor comigo e fizemos um monte de inéditas. Eu mesma já tinha duas ou três prontas há dois anos, mas não quero ter esse compromisso com a novidade. O que torna alguma coisa obsoleta é tentar ser moderna.”

O sucesso “Amor meu Grande Amor”?“Esta música sempre foi um carta forte no meu cardápio musical. Quando o Barão Vermelho a gravou, em meados dos anos 90, deram uma ‘bombada’ fenomenal nela. Quando eles gravaram, eu não estava bem de saúde, já cansada de excessos e porcarias que se consome pela vida toda. Melhorei bastante, mais disposta, graças ao carinho dos meninos.”

Rock brasileiro

“A gente subestimou um pouco o rock brasileiro, mas ele permaneceu. Esse povo mostrou que tinha muito bom gosto, um conhecimento musical muito grande e até mesmo sofisticado.”

Comportamento pioneiro

“Sempre segui os conselhos de meus pais – seja você mesma! E com isso despertei a inveja dos medíocres, a ira dos homofóbicos e a truculência dos truculentos. Depois de esculhambarem comigo, enchi a cara durante 30 e tantos anos. Eu tenho a graça de uns quinze anos para cá não beber, não fumar, conseguir fazer exercícios. Se abri alguma porta, foi totalmente sem querer e levando tranco destas pessoas preconceituosas e altamente violentas.”