Neil Gaiman traz de volta Sandman, a perturbadora série que revolucionou as HQs

Sean Woods | Tradução: J. M. Trevisan Publicado em 08/01/2014, às 11h16 - Atualizado às 11h18

MÍSTICO
Gaiman retorna ao mundo de Sandman
Tim Mosenfelder/Getty Images

Vinte e cinco anos depois de Neil Gaiman explodir com a clássica série Sandman, o selo Vertigo traz o personagem de volta para uma nova minissérie, lançada no mês passado nos Estados Unidos. “É uma história que por algum motivo qualquer acabei não conseguindo encaixar quando estava escrevendo a série”, diz Gaiman. “O novo arco responderá algumas perguntas primordiais levantadas na edição 1”. Carregada de surrealismo, Sandman – exemplo de uma trama básica: Lúcifer abre mão das chaves do inferno para morar à toa na praia – levou as histórias em quadrinhos a um novo patamar. Mas neste momento, Gaiman, 52, é famoso também pelo casamento com a cantora e provocadora profissional Amanda Palmer. “Tive um chat muito constrangedor ontem com leitores do blog da minha esposa”, conta Gaiman. “Eles disseram: ‘Quando ela escreveu no blog que teve uma infecção do trato urinário, percebemos que era porque vocês estavam transando pra caramba!’”