Thriller doméstico

Filme mostra casal aterrorizado por um assassino de mulheres

Luciana Rabassallo Publicado em 08/09/2014, às 14h19 - Atualizado em 10/09/2014, às 18h01

Intenso

Gagliasso mergulhou no personagem.

Bruno Gagliasso vivenciou momentos transformadores ao protagonizar e ter a primeira experiência como produtor no filme Isolados. “Tive pouquíssimo tempo para a preparação, mas foi tudo muito intenso”, diz o ator sobre o longa que entra em cartaz em setembro. “Esse tipo de papel faz com que eu me questione como ator.” O filme, um thriller psicológico, gênero pouco comum no cinema brasileiro, coloca o casal formado pelo personagem de Gagliasso, um psiquiatra excêntrico, e a esposa dele, Renata (Regiane Alves), em um lugar isolado na região serrana do Rio de Janeiro aterrorizados por um assassino de mulheres. “O filme é esquisito, assim como os personagens. O Lauro [Gagliasso] tem manias estranhas e a Renata é enigmática. Isso prende a atenção do espectador. É difícil prever a próxima reação de cada um dos personagens.”