5 motivos para assistir Eu Nunca, série teen da Netflix: de referências à cultura pop a representatividade [LISTA]

Produzida por Mindy Kaling, a segunda temporada de Eu Nunca está disponível na Netlix - e é ainda mais intensa e divertida

Mariana Rodrigues (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 15/07/2021, às 20h05

None
Eleanor, Fabiola e Devi em Eu Nunca (Foto: Isabella B. Vosmikova/Netflix)

Representatividade, muitas referências à cultura pop e ótimo humor são apenas algumas das melhores partes da trama de Eu Nunca (2019), série adolescente da Netflix. Criada por Mindy Kaling, a produção acompanha a vida de Devi (Maitreyi Ramakrishnan), jovem de descendência indiana em busca da popularidade no ensino médio nos EUA.

Como parte do plano, Devi conta com a ajuda das amigas Eleanor (Ramona Young) e Fabiola (Lee Rodriguez) para conseguir conquistar Paxton (Darren Barnet), um dos garotos mais disputados da escola. No entanto, além de ser completamente inexperiente em namoro, a jovem também precisa lidar com problemas na família e com o inimigo de infância Ben (Jaren Lewison).

+++ LEIA MAIS: Todas as série produzidas por Mindy Kaling: De The Office a Eu Nunca [LISTA]

A segunda temporada de Eu Nunca estreou na Netflix em 15 de julho de 2021 e está mais intensa e divertida do que a primeira. Por isso, separamos cinco motivos para mataronar os novos episódios agora mesmo. Confira:

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Never Have I Ever (@neverhaveiever)

 


Episódios quase impossíveis de parar de assistir

Apesar da trama de Eu Nuncaparecer relativamente simples, cada episódio cria uma grande expectativa sobre o que acontecerá nas cenas seguintes. Ao longo da série, Devi se envolve em várias confusões e mentiras e é impossível evitar a curiosidade sobre o destino da protagonista.

+++ LEIA MAIS: 5 curiosidades sobre Eu Nunca, série da Netflix: escolha do elenco, inspiração e mais [LISTA]


Representatividade

A série é uma das produções adolescentes com maior representatividade atualmente, principalmente no elenco protagonista, formado por uma jovem de origem indiana (Devi), uma asiática (Eleanor) e uma negra (Fabiola). Além disso, outros personagens secundários também têm diferentes etnias, como a família de Devi, Aneesa (Megan Suri) e Paxton


Referências à cultura pop

Filmes, séries, celebridades... Essas são apenas algumas das referências à cultura pop que a série faz durante as duas temporadas. Em diversas cenas é possível ver citações sobre franquias como Star Wars e Harry Potter, além de comentarem sobre cantoras como Dua Lipa e Megan Thee Stallion. Tudo isso deixa a trama mais divertida e atual, principalmente para o público jovem. 

+++ LEIA MAIS: Saudade de Atypical? 4 séries teen com representatividade LGBTQ+ para maratonar na Netflix [LISTA]


Humor 

Eu Nunca segue o estilo sitcom, apesar de não se assemelhar a produções famosas do gênero como The Office e Friends. Mesmo assim, o humor não falta na série. As piadas são mais discretas, mas o roteiro cria situações engraçadas para os personagens capazes de arrancar boas risadas do público. 


Para (quase) todas as idades

A classificação indicativa da série é de 14 anos, por tratar sobre assuntos delicados, sexo e às vezes até mesmo drogas. No entanto, por mais que seja voltada para adolescentes, é uma produção capaz de agradar os mais velhos também graças aos personagens adultos muito bem construídos e a trama leve e descontraída. 

+++ LEIA MAIS: H.E.R. comenta como foi gravar série da Netflix com Barack e Michelle Obama


+++ OS 5 DISCOS ESSENCIAIS DE BOB DYLAN | ROLLING STONE BRASIL