A Lista Terminal: A droga RD4895 mostrada na série existe na vida real?

A Lista Terminal, série com Chris Pratt, mostra uma droga como parte do tratamento de estresse pós-traumático

Redação Publicado em 02/07/2022, às 14h00

None
A Lista Terminal (Foto: Divulgação / Prime Video)

[Atenção: Este artigo pode conter spoilers de A Lista Terminal]

Estrelada por Chris Pratt, A Lista Terminal (2022) é a nova série do Amazon Prime Video e acompanha um ex-militar que ao retornar para casa, após todo o pelotão ser morto em uma emboscada, descobre que tudo não se passava de uma conspiração do governo.

+++ LEIA MAIS: Guardiões da Galáxia 3: James Gunn defende Chris Pratt após pedidos de substituição do ator

A série é baseada no livro de mesmo nome escrito por Jack Carr, quem também era um militar da marinha. Embora não seja uma história real, alguns elementos são bem realistas, mas não necessariamente verdadeiros. Como é o caso da droga RD4895.

A droga é uma parte importante da série, pois está por trás da conspiração do governo. Em A Lista Terminal, o medicamento foi criado com a esperança de ajudar veteranos de guerra, combatendo o estresse pós-traumático. No entanto, o RD4895 foi dado ao pelotão do personagem de Pratt, James Reese, sem consentimento deles.

+++ LEIA MAIS: Chris Pratt é acusado de objetificar esposa, Katherine, em publicação nas redes sociais; entenda

Em vez de ajudá-los, impedindo os sintomas do estresse pós-traumático, deu a eles tumores cancerígenos. Quando se soube que a droga era realmente perigosa, o pelotão foi morto. No entanto, segundo o Screen Rant, o RD4895 não existe na vida real e foi invenção do livro e da série.

Apesar disso, existem alguns medicamentes semelhantes utilizados para combater o estresse pós-traumático. Esses medicamentos são conhecidos como bloqueadores beta e alfa e são usados principalmente para tratar a pressão alta, mas foi descoberto que eles também podem impedir a formação de memórias duradouras de eventos traumáticos, sendo usado na prevenção desses sintomas.

+++ LEIA MAIS: Parks and Recreation: Guns N’ Roses inspirou música do Mouse Rat, diz Chris Pratt

Como muitos medicamentos, eles também têm efeitos colaterais. Esses bloqueadores alfa e beta podem causar pesadelos, dores de cabeça, tonturas e até pensamentos suicidas, em casos graves. Além disso, pode causar perda geral de memória. No entanto, formação de câncer e tumores, como acontece em A Lista Terminal, não estão entre os efeitos colaterais comuns.