Como 1º episódio de What If…? se encaixa na linha do tempo do MCU?

Disponível no Disney+, What If...? reimagina os eventos famosos dos filmes do MCU

Redação Publicado em 11/08/2021, às 11h29

None
What If...?, série animada da Marvel (Foto: Divulgação/Marvel)

[Atenção: esta publicação contém spoilers de What If…? (2021)]

Após a primeira temporada de Loki (2021) dar início ao multiverso, a animação What If…? foi lançada no Disney+ nesta quarta, 11, para reimaginar os grandes eventos do Universo Cinematográfico da Marvel.

+++ LEIA MAIS: Todas as estreias de agosto de 2021 Disney+: Viúva Negra, What If...? e mais [LISTA]

O primeiro capítulo mostra como seria o mundo se Peggy Carter (Hayley Atwell) fosse a primeira Vingadora no lugar de Steve Rogers (Chris Evans). Mas, afinal, como os novos eventos se encaixam na linha do tempo do MCU?

De acordo com o Screen Rant, os novos acontecimentos espelham os da realidade original. O evento nexus do episódio acontece quando o Dr. Erskine foi salvo, Rogers foi ferido e Carter tomou o soro do supersoldado em junho de 1943, no mesmo dia em que Rogers tomaria o soro.

+++ LEIA MAIS: O que convenceu Chadwick Boseman retomar papel de Pantera Negra em What If, da Marvel?

A linha alternativa mantém muitos elementos familiares, como a personalidade heroica de Rogers e Bucky Barnes (Sebastian Stan). Além disso, Rogers e Carter vivem um romance e são separados.

Por outro lado, o Dr. Erskine sobrevive - o que apaga a história de Isaiah Bradley (Carl Lumbly), Howard Stark toma uma nova direção - e impede os acontecimentos de Homem de Ferro (2008), Barnes não se torna o Soldado Invernal - salvando a vida dos pais de Tony Stark  (Robert Downey Jr.).

+++ LEIA MAIS: What If...? queria crossover entre Marvel e Star Wars; entenda

O episódio também mostra Carter reaparecendo 70 anos depois da guerra para falar com Nick Fury (Samuel L. Jackson) e Gavião Arqueiro (Jeremy Renner). Pelas contas, o encontro aconteceu na mesma época de Vingadores (2012).


+++ FIUK: 'TENHO ROCK NA VEIA DESDE CRIANÇA' | ENTREVISTA | RS