Mindhunter: Os 4 momentos mais sombrios da série da Netflix [LISTA]

Enquanto Mindhunter não ganha uma terceira temporada, relembre os momentos mais sombrios e assustadores da série da Netflix

Vitória Campos (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 13/10/2021, às 17h45

None
Mindhunter (Foto: Merrick Morton/Netflix)

Drama policial de sucesso da Netflix, Mindhunterconta com apenas duas temporadas até o momento — mas já reuniu milhares de fãs ao mostrar agentes do FBI que entrevistam assassinos em série para tentar resolver alguns casos. 

Criada por David Fincher, a série é baseada no livro Mind Hunter: Inside the FBI’s Elite Serial Crime Unit, de John E. Douglas e Mark Olshaker. Ao longo das temporadas, a produção trouxe diversos momentos assustadores e angustiantes. 

+++ LEIA MAIS: 5 momentos mais bizarros de Mindhunter: de passarinho no ventilador a surto do Holden

Pensando nisso, confira os quatro momentos mais sombrios de Mindhunter, segundo o Screen Rant:


A revelação do assassinato de Beverly Jean

Na primeira temporada, o assassinato de Beverley Jean causa indignação. No entanto, a situação se mostra ainda mais sombria quando o crime é revelado. Os agentes do FBI descobrem haver três pessoas envolvidas: o noivo, a irmã dele e o cunhado — as quais foram extremamente insanas e maldosas na hora de estuprar e assassinar Beverley Jean.

+++ LEIA MAIS: Produção de Mindhunter, da Netflix, é interrompida e atores são liberados de contrato


Terceiro encontro com Ed Kemper

Quando Ford (Jonathan Groff) se encontra com Kemper (Cameron Britton) pela terceira vez, o público ganha um dos momentos mais tensos da série. O criminoso revela como desenvolveu e aperfeiçoou suas técnicas de assassinar pessoas, e explica isso de maneira totalmente fria, realista e precisa.


Entrevista com Tex 

Integrante da Família Manson, Tex Watson participou de um dos crimes mais reconhecidos mundialmente: o assassinato da atriz Sharon Tate. Na série, Ford entrevista Tex — e choca o espectador com a natureza horrível do crime, mesmo que o assassino apresente remorso.

+++ LEIA MAIS: Mindhunter, Inacreditável e The Sinner: 7 séries mais incômodas que a Netflix já fez [LISTA]


Segundo encontro com Ed Kemper

No segundo encontro com Ed Kemper, Ford aborda um assunto delicado: mulheres, pois além de matar jovens, o assassino em série foi responsável pela morte da mãe e avós. Kemper fala sobre as mulheres e sexualidade de maneira extremamente depravada, tornando o momento tenso para qualquer agente do FBI.