Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Morre Guilherme de Pádua, assassino de Daniella Perez, aos 53 anos

Após sair da prisão pelo assassinato de Daniella Perez, Guilherme de Pádua se tornou pastor evangélico

Redação Publicado em 06/11/2022, às 23h28 - Atualizado em 08/11/2022, às 12h04

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Guilherme de Pádua (Foto: Reprodução/YouTube)
Guilherme de Pádua (Foto: Reprodução/YouTube)

Morreu Guilherme de Pádua, assassino de Daniella Perez, neste domingo, 6, aos 53 anos em Belo Horizonte, Minas Gerais. A causa da morte foi um infarto. Antes de cometer o crime, ele era ator e, após ser condenado e passar um tempo na cadeia, virou pastor evangélico.

Quem confirmou a informação foi Márcio Valadão, pastor titular da Igreja Lagoinha, durante live feita no Instagram. Pádua chocou o Brasil após assassinar Daniella Perez, com quem fazia o principal par romântico na novela De Corpo e Alma. Ela tinha 22 anos e era filha da autora da produção, Glória Perez. No crime, o ex-ator teve ajuda da então esposa Paula Nogueira Thomaz, atualmente chamada Paula Nogueira Peixoto.

+++LEIA MAIS: Pacto Brutal: Guilherme de Pádua pede perdão para Glória Perez e Raul Gazolla após lançamento do documentário

Guilherme de Pádua nasceu em Belo Horizonte, no dia 2 de novembro de 1969. Porém, alguns anos depois, ele se mudou para o Rio de Janeiro, com intuito de focar na carreira artística. Além de De Corpo e Alma, atuou no filme alemão Via Appia (1989) e participou da novela Mico Preto.