Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Pitty desabafa sobre falso empoderamento feminino: “o que minha filha vai pensar?”

Cantora criticou “eterna busca de ser ‘flawless’” ao citar que artista amiga “contou que teve infecção na virilha por usar cinta para ‘deixar tudo no lugar’”

Por Igor Miranda (@igormirandasite) Publicado em 28/06/2023, às 20h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Imagem Pitty desabafa sobre falso empoderamento feminino: “o que minha filha vai pensar?”

Ao longo dos anos, Pitty se mostrou como uma das grandes defensoras do empoderamento feminino na música - antes mesmo do assunto virar tendência nos últimos tempos. Porém, há casos em que, segundo ela, mulheres que podem parecer “empoderadas” na verdade só estão cedendo, sem perceber, a pressões estéticas impostas pela sociedade.

O assunto foi abordado por Pitty em uma sequência de publicações no Twitter. Em uma mensagem inicial destinada aos internautas de modo geral, a voz de “Admirável Chip Novo” e outros hits declarou:

“Duas artistas que admiro e acho lindas: uma, contou que teve infecção na virilha por usar cinta para ‘deixar tudo no lugar’; a outra vejo fotos da tour e, sei lá, três meias-calças pra disfarçar a textura da pele. A eterna busca de ser ‘flawless’ [‘impecável’]...”

Na sequência, a artista ainda questionou:

“Que p#rra de empoderamento é esse? O que minha filha vai pensar sobre ser livre se nada disso mexe na estrutura, só na estética do momento que serve à algo?”

A publicação rendeu mais de 5 mil curtidas e uma série de comentários que buscaram discutir o tema de forma mais aprofundada. Uma internauta, por exemplo, comentou: “Empoderamento foi embalado, plastificado e vendido como uma política individualista liberal, como se para se empoderar só fosse necessário o próprio agir da mulher, usar isso, usar aquilo, geralmente com um produto bem caro acoplado. Empoderamento só existe com mudança estrutural”. Em resposta, Pitty apenas concordou: “É isso”.

+++ LEIA MAIS: Pitty entrega detalhes de novo álbum e relembra morte do guitarrista: 'Emocionante'

“A batalha é árdua”

Outra seguidora de Pitty pareceu se referir a Madonna ao citar a música “Express Yourself” em uma manifestação: “E a minha ídola da infância e adolescência que insiste em não envelhecer, e parece um cartoon de si mesma? Depois de passar décadas denunciando a pressão da indústria, acabou cedendo e o ‘express yourself, be yourself’ [‘se expresse, seja você mesma’] foi pro ralo." Por sua vez, a cantora apresentou seu ponto de vista sobre a situação:

“Dá tristeza e um pouco de medo, e penso na solidão que deve ser... ninguém está livre disso, no final. A batalha é árdua.”

Mais uma fã se manifestou para dizer que as duas mulheres citadas por Pitty na mensagem original não teriam poder em suas próprias ações.

“Às vezes nem são elas, todas ainda respondem para empresários e gravadoras e contratos. Complicado. Às vezes tem até contrato com cláusula assim, a indústria é pura maldade.”

A cantora discordou e revelou que eram mulheres “autônomas”, ainda sem revelar os nomes delas.

“Não são marionetes. São mulheres autônomas que tomam suas decisões- e por isso as admiro.”