Jimmy Dean: canções e negócios
Divulgação

ACERVO PESSOAL

Guias / CDs - Redação Publicado em 06/08/2010, às 05h51 - Atualizado às 05h52

Música Country e Salsicha

Praticamente ninguém noticiou no Brasil a morte do cantor Jimmy Dean, acontecida no dia 13 do último mês de junho. Dean tinha 81 anos e morreu de causas naturais no estado da Virgínia. Dean foi um pioneiro não só na área musical. Ele foi um dos primeiros artistas country a ter um programa de TV e era um empresário bem-sucedido. Sua linha de salsichas e frios se tornou produto de massa nos Estados Unidos. Dean começou na vida artística apresentando programas de rádio. No final dos anos 50, tinha virado cantor e em 1961 teve um hit gigantesco na gravadora CBS com “Big Bad John”, uma canção que falava da saga de um mineiro que morria soterrado tragicamente. De 1963 a 1966, Dean apresentou um programa de TV no canal ABC, abrindo as portas para a música country. Jim Henson, criador do Muppet Show, teve sua primeira grande oportunidade profissional ao trabalhar no show de Dean. Ele também era ator e apareceu em incontáveis séries de TV. No cinema, seu papel mais lembrado é o do milionário Willard Whyte no filme 007 – Os Diamantes São Eternos (1967). Dean se mudou para a gravadora RCA e continuou a ter hits na parada country, mas a partir dos anos 70 ele se dedicou à vida empresarial. Na metade da década de 1980 vendeu a companhia, embora continuasse como seu porta-voz até 2004. Dean passou seus últimos anos de vida semiaposentado e em fevereiro deste ano entrou para o Country Music Hall of Fame.

Paulo Cavalcanti

Últimos Guias CDs