Divulgação

Leila Pinheiro

Guias / CDs - Redação Publicado em 08/09/2010, às 07h21 - Atualizado às 07h22

Leila Pinheiro

Meu Segredo Mais Sincero

Biscoito Fino

Pode parecer oportunismo, mas é realmente uma sincera homenagem

A cantora, compositora e pianista paraense já fazia versões da obra de Renato Russo em 1988, quando incluiu uma releitura de “Tempo Perdido” em seu terceiro disco, Alma. O tom é respeitoso, delicado, quase rebuscado, com Leila procurando dar novas visões a canções que f oram imortalizadas em arranjos simples, sem ousar muito na escolha do repertório. Talvez apenas a inclusão da emblemática “Metal Contra as Nuvens” seja realmente surpreendente. Dessa forma, temos alterações de andamento e clima jazzístico em “Ainda É Cedo”, programações de bateria e teclados em “Índios” e “Angra dos Reis”, além da economia elegante de “Teatro dos Vampiros”. Ainda há a inclusão de “Hoje” e um dueto espírita para “La Solitudine”, gravada por Russo em seu disco de canções italianas, Equilíbrio Distante, mas que soa desnecessário aqui.

Carlos Eduardo Lima

Últimos Guias CDs