PJ Harvey & John Parish - A Woman a Man Walked by

Ao lado de fiel colaborador, inglesa faz seu disco mais experimental

Guias / CDs - Redação Publicado em 10/05/2009, às 07h53 - Atualizado em 12/05/2009, às 14h45

PJ Harvey & John Parish

A Woman a Man Walked by

Island/Universal

Se no anterior White Chalk PJ Harvey construiu um universo cheio de leveza e lirismo, em A Woman A Man Walked by ela resolveu fazer a trilha sonora de seus piores pesadelos. Ladeada por John Parish, seu antigo e fiel colaborador nas composições, a inglesa passa boa parte do novo álbum apostando em estruturas musicais nada ortodoxas. Com exceção do primeiro single “Black Hearted Love”, com guitarras à Sonic Youth e o vocal lânguido que só Polly Jean sabe fazer, e algumas baladas como “Passionless Pointless” e “The Soldier”, a predominância das faixas traz PJ cantando de maneira ora desesperadora (“Sixteen, Fifteen, Fourteen”), ora perturbadora (“April”) – atingindo a insanidade em “Pig Will Not”. Não chega a ser exagero dizer que este é o álbum mais experimental de sua carreira e que provavelmente espantará alguns de seus seguidores. Mas arrependimento será a última coisa que alguém terá ao se arriscar nestas “águas revoltas”.

Últimos Guias CDs