Álbum Once I Loved, Once I Loved

B.J. Thomas

Guias / CDs - Redação Publicado em 03/09/2009, às 09h48 - Atualizado às 09h48

B.J. Thomas

Once I Loved

Universal

Intérprete chama brasileiros em incursão pela bossa nova

A ligação de B.J. Thomas com o Brasil começou em 1972, com a inclusão de “Rock’n’Rol l Lullaby” na trilha da novela Selva de Pedra. Ele passou a se apresentar aqui com certa frequência, mas não tinha gravado música brasileira. Este CD é interessante por mostrar que Thomas continua com a voz em excelente forma. O repertório traz basicamente standards da bossa nova nas versões em inglês, como “Dindi”, “Água de Beber” e “Samba de Verão” (“So Nice”). Quatro brasileiros fazem dueto com o astro americano. João Bosco (em português) se sai bem em “Manhã de Carnaval” (“A Day In The Life of a Fool”), bem como Leila Pinheiro (em inglês) com “Once I Loved” (“O Amor em Paz”). Ivan Lins soa ralentado em “Meditation” (“Meditação”) e Ivete Sangalo tropeça feio em “The Girl from Ipanema” (“Garota de Ipanema”), com um inglês sofrível. “Rock’n’Roll Lullaby” em levada de bossa fica esquisita. O melhor momento é “So Many Stars”, emocionante na voz de B.J. Thomas. Mediano, pouco acrescenta à discografia do cantor.

POR TONINHO SPESSOTO

Últimos Guias CDs