Blam! Blam!

Blam! Blam!

Jonas Sá

Guias / CDs - Thiago Neves Publicado em 17/06/2015, às 12h34 - Atualizado às 12h41

Se em seu álbum de estreia, Anormal (2007), Jonas Sá investia em um indie pop redondinho, neste segundo trabalho ele exige bem mais do ouvinte. É preciso ter a mente aberta para ruídos estranhos e o coração tranquilo para receber versos como “tenho mais de mil amigos online/ mas o mais assíduo é a solidão”, de “8 Bit”. As 14 faixas do pacote trazem influência da faceta mais arrojada do ídolo Beck Hansen. Se bem que é difícil imaginar o gringo cantando uma letra como a de “Chat Roulette”, repleta de imagens pornográficas, mais explícitas até do que a capa de Blam! Blam!.

Fonte: Coqueiro Verde

Últimos Guias CDs