Crucificados pelo Sistema Bruto

Crucificados pelo Sistema Bruto

Charme Chulo

Guias / CDs - Mariana Tramontina Publicado em 26/12/2014, às 11h20 - Atualizado às 11h24

O deboche define o charme chulo. em uma época em que artistas preferem lançar singles esporádicos, os curitibanos chegaram ao terceiro disco com ajuda de financiamento coletivo e entregaram um trabalho extenso: 20 músicas de uma só vez, divididas em dois álbuns. Com tantas canções, aquela coisa de rock caipira já não resume mais o grupo. Crucificados pelo Sistema Bruto faz, em quase 1h15 de duração, uma fusão da essência de diversos gêneros, do sertanejo e funk ao punk e rockabilly – e às vezes tudo em uma faixa só, como na teatral “Meu Peito É um Caminhão Desgovernado”, de nove minutos. Consciente do exagero, a banda não encontra limites entre a sátira e a acidez. No geral, o resultado é um conjunto de canções inspiradas e cheias de humor – ouça “É que Às Vezes (Melhor É Morar na Fazenda)” –, mas também resvala em algumas piadas de gosto duvidoso, que funcionam mais pelo conceito do que como uma boa música.

Fonte: Independente

Últimos Guias CDs