Sergio Pi

Meu Pop É Black Power

Sergio Pi

Guias / CDs - Mauro Ferreira Publicado em 13/05/2015, às 18h16 - Atualizado às 18h22

Sergio Pi se joga em uma pista retrô com Meu Pop É Black Power, álbum que evoca o groove da música feita na virada da década de 1970 para a de 1980. O som de Gilberto Gil na fase de Realce (1979) é uma das inspirações assumidas do cantor. Ecos do pop com teclado elétrico de Rita Lee e Roberto de Carvalho, de quem o artista revive “Na Barriga da Mamãe” (1982), são ouvidos ao longo do disco. Um azeitado balanço black pontua o trabalho, calcado mais na sonoridade elegante do que na voz frágil do cantor ou no repertório que pouco impressiona.

Fonte: Lab 344

Últimos Guias CDs