Banda estreia em boa forma fazendo um som difícil de ser classificado.

modeHuman

Far from Alaska

Guias / CDs - Leonardo Dias Pereira Publicado em 15/07/2014, às 15h07 - Atualizado às 15h16

Direto de natal (RN) vem um debute dos mais surpreendentes do rock nacional – embora eles cantem em inglês. Mas classifi car o som do quinteto Far from Alaska como “rock” seria o modo mais simplório para apresentar o grupo aos neófi tos. No disco de estreia, modeHuman, uma série de vertentes do estilo é passada em revista nas 15 faixas, todas construídas com um instrumental consistente embalado pela voz poderosa e cheia de personalidade de Emmily Barreto. “Greyhound” revela riff s “sabbathianos” e andamento próximo ao stoner rock; já “Dino vs Dino”, uma das primeiras músicas reveladas, é uma montanha-russa de emoções, com seus rompantes de raiva intercalados por uma batida quase marcial. Sobra espaço até para algumas incursões no terreno do prog-rock, como demonstra “Monochrome”, que tem quase dez minutos de duração.

Fonte: Deck

Últimos Guias CDs