One More Light
Reprodução

One More Light

Linkin Park

Guias / CDs - Érico Fuks Publicado em 15/07/2017, às 19h49 - Atualizado às 19h50

Neste sétimo trabalho de estúdio, o Linkin Park procurou se reinventar, o que é louvável. Só que aqui não significa bons resultados. One More Light desvia além da conta dos viscerais Living Things (2012) e The Hunting Party (2014), que carregavam nas tintas para reviver a fúria exibida pela banda no começo da carreira. Abrindo mão dos berreiros, das guitarras distorcidas e dos teclados futuristas, o Linkin Park criou o álbum mais pop e frouxo de sua discografia. À exceção da enérgica “Talking to Myself”, falta luz e brilho a este lançamento.

Fonte: Warner

Últimos Guias CDs