Palavras e Sonhos

Palavras e Sonhos

Luiz Tatit

Guias / CDs - Mauro Ferreira Publicado em 20/03/2016, às 18h27 - Atualizado às 19h03

A música de Luiz Tatit segue o fluxo indicado pelas palavras. Compositor projetado no vanguardista grupo Rumo, na década de 1980, o artista reitera a habilidade com os versos no sexto álbum solo. “Uso palavras picadas no som”, ele resume na letra da música-título. Primeira das 13 composições autorais do disco produzido pelo filho do artista, Jonas Tatit, “Mais Útil” exemplifica a maestria de Luiz Tatit com o encadeamento das palavras musicadas. O compositor segue o rumo habitual sem saudosismo. As sutis programações eletrônicas de Jonas e as conexões de Tatit com Marcelo Jeneci, parceiro e convidado da balada “Estrela Cruel”, mostram que a obra do compositor está em movimento, ainda que a base seja a mesma dos anos 1980. Nome proeminente da cena contemporânea paulistana, Juçara Marçal reforça a evolução do artista ao fazer a segunda voz de “Tristeza do Zé”, parceria de Tatit com José Miguel Wisniki erguida em torno do universo caipira. Algo permanece igual: as palavras de Tatit seguem cheias de referências e significados.

Fonte: Dabliú Discos

Últimos Guias CDs