divulgação

Profusão de Batidas

Guias / CDs - Redação Publicado em 07/12/2010, às 11h48 - Atualizado em 08/12/2010, às 16h24

Kanye West

My Beautiful Dark Twisted Fantasy

Universal Def Jam

Rapper polêmico entrega um de seus mais bem acabados álbuns

West, além de manter todas as histórias que rondam seu “personagem”, faz questão de romper as barreiras sonoras que ainda restavam em seu trabalho. Em “Dark Fantasy”, a aura suja e quase pornográfica da canção faz com que a melodia grude nos ouvidos. Fluindo em ritmo mais acelerado, a ótima “Gorgeous” segue uma linha despojada. Os delírios de “Power” e a melancolia de “All of the Lights”, com participação de Rihanna, conferem ainda mais valor para o disco. Até “Hell of a Life”, ao reciclar a pegada eletrônica característica do hip hop, chega a surpreender: hoje não há ninguém como Kanye na arte de programação e loops eletrônicos. É a batida certa para a música certa. Em “So Appalled”, a sonoridade dos anos 80 marca presença, enquanto em “Blame Game”, a grande pedida são os vocais puxados para o blues. Apesar de ainda ter suas limitações vocais, West sempre conseguiu fugir do lugarcomum e para isso apela para seu carisma admirável. My Beautiful Dark Twisted Fantasy mantém a essência de West, mas com um movimento arrojado e brilhante. Em 2010, nada que combine tanta ousadia foi lançado. Então, quem ouvir Kanye West vai ter certeza de que algo importante está acontecendo.

MURILO BASSO

Últimos Guias CDs