Jimmy Cliff

Rebirth

Jimmy Cliff

Guias / CDs - Marcos Lauro Publicado em 13/09/2012, às 09h54 - Atualizado às 09h56

Lenda do reggae quebra silêncio

O disco anterior saiu em 2004, mas há um bom tempo o nome de Jimmy Cliff não significava muita coisa para o grande público. Agora, se depender da qualidade de Rebirth, o renascimento do reggae man jamaicano cantor de “Reggae Night” e outros hits é certo. A surpresa é a produção de Tim Armstrong, vocalista do Rancid, banda de ska que até empresta sua “Ruby Soho” para a voz do mestre, em uma releitura que busca forças nas raízes do ritmo da Jamaica. Outra versão, mais lenta, é “Guns of Brixton”, do Clash. E não é sem motivo: Armstrong foi apresentado (e recomendado) a Cliff por Joe Strummer, ex-Clash. O potente single “One More” serve para levantar poeira nas pistas de Jah, enquanto o rocksteady (“Cry no More”) e o soul acelerado à la Otis Reding (“Outsider”) também aparecem. Vale lembrar que 2012 marca os 40 anos de The Harder They Come (Balada Sangrenta), filme estrelado por Jimmy e que ajudou o cantor a se tornar uma lenda do reggae, além de ter sido o primeiro filme produzido na Jamaica. E Rebirth parece, de forma bastante natural, ter saído dessa mesma época, para nos lembrar da importância de Jimmy Cliff para o reggae e música pop.

Fonte: Universal Music

Últimos Guias CDs