-

Regions of Light and Sound of God

Jim James

Guias / CDs - Pablo Miyazawa Publicado em 14/02/2013, às 12h56 - Atualizado às 12h58

Vocalista do My Morning Jacket se dá bem em viagem espiritual solitária

Criativo e talentoso, o líder do My Morning Jacket sempre se mostrou um artista com inspirações divinas e aspirações grandiosas. As características estiveram evidentes em toda a excelente discografia do quinteto surgido em 1998 no Kentucky, cujo sucesso sempre se limitou aos Estados Unidos. Jim James veste o uniforme do frontman genial e relutante – apesar de compor tudo, cantar e tocar guitarra com personalidade, prefere comportar-se como apenas mais um louco do bando, fora dos holofotes. Ignorando a timidez, ele enfim se dedicou a um trabalho solo, no qual buscou as respostas às grandes questões da existência humana. Talvez não tenha logrado, mas pelo menos se divertiu no processo: tocou todos os instrumentos (simplesmente porque sim) e resvalou em patamares líricos e melódicos que sua banda original não permite. Se o MMJ é um elo perdido entre a psicodelia riponga sessentista e o country acaipirado que jamais saiu de moda, Regions of Light and Sound of God soa como uma versão espiritualmente elevada dessa mistura. Como a trilha sonora vanguardista de uma missa ecumênica, o cunho religioso se faz presente nos arranjos delicados e nas letras otimistas (“A New Life”, “All Is Forgiven”), que desenvolvem uma viagem etérea em que tempo e espaço não parecem fazer diferença. Que Jim James nunca se encontre, para persistir por mais discos nesta jornada.

Fonte: Ato Records / Red

Últimos Guias CDs