Simple Plan - Simple Plan

Guias / CDs - Redação Publicado em 20/05/2008, às 15h41

Nem com a mão de Nate "Danja" Hills, produtora e pupila de Timbaland, o quinteto canadense deixa de se envergonhar mais uma vez. Quem conseguir embarcar no clima adolescente de "a cheerleader não me quer mais", ou "o mundo é injusto com quem é sensível" - máximas temáticas da banda, ainda que de forma não tão explícita - vai se esbaldar. "Tudo é tão complicado" é um verso onipresente - qualquer semelhança com a onda emo é mera coincidência. Os garotos estão ainda mais chorosos e, principalmente, mais lugar-comum do que nunca. Talvez por isso o álbum seja auto-intitulado: eles realmente não têm nada a acrescentar. Nas músicas mais agitadas ecoa Blink 182 a cada riff e refrão - o que não é necessariamente bom. Já nas baladas, o demérito é exclusivamente deles. Com muita parcimônia dá pra reconhecer os arranjos mais elaborados de "Your Love Is a Lie", ou os overdubs consistentes de "Generation" - cujos backing vocals soam, justamente, como um time de cheerleaders. Mesmo assim, é osso duro de roer.

Carlos Messias

Simple Plan

Simple Plan

Warner

10

05

2008

Últimos Guias CDs