Tom Jones
divulgação

Spirit in the Room

Tom Jones

Guias / CDs - Leonardo Dias Pereira Publicado em 06/07/2012, às 16h29 - Atualizado às 16h31

Veterano cantor britânico aparece reformulado em disco surpreendente

Talvez consciente de suas próprias derrapadas para o lado kitsch e do crepúsculo da vida se aproximando, Tom Jones começou a pavimentar o caminho da dignidade com uma série de músicas sóbrias e taciturnas que teve início no álbum Praise & Blame (2010). Novamente acompanhado do produtor Ethan Johns, Spirit in the Room capta um Tom Jones ainda mais introspectivo em interpretações que desta vez focam em canções atuais de compositores consagrados e outros relativamente obscuros. Do primeiro time, o crooner pinçou “Tower of Song”, de Leonard Cohen, “(I Want to) Come Home”, de Paul McCartney e “Bad as Me”, de Tom Waits. O compositor de country Joe Henry (“All Blues Mary”) e a banda de alt-country The Low Anthem (“Charles Darwin”) foram alguns dos “novatos” contemplados com o gogó dourado de Sir Tom Jones, privilégio estendido para poucos.

Fonte: Island/Universal

Últimos Guias CDs