-

Vou Rifar Meu Coração

Guias / DVDs - Mauro Ferreira Publicado em 12/04/2013, às 17h10 - Atualizado às 17h11

Cineasta pega estrada para expor dores de amores do interior

“O médico chora igual ao pedreiro quando perde a mulher”, filosofa o cantor Odair José, ícone da música rotulada como brega, diante das câmeras dirigidas por Ana Rieper. Neste documentário da Coleção Canal Brasil, a cineasta segue a trilha do interior do Brasil para expor dores de amores relacionados por Ana com o universo da canção sentimental brasileira. Já na sua primeira tomada o filme foca uma estrada do interior ao som de “Eu Também Sou Sentimental” na voz de Nelson Ned. Identificados com os personagens das canções de astros populares como Amado Batista, os personagens da vida real, retratos de um Brasil desdentado e carente de atenções, narram seus (des)amores sem pudor. A música em si entra em foco quando a cineasta dá voz ao inconformismo de cantores como Agnaldo Timóteo com o rótulo de brega. Mas o suprassumo do filme reside nas falas de vozes anônimas, captadas em estados como Alagoas e Sergipe, fora do enquadramento dos cartões-postais nacionais. É na coragem de retratar a “feiura” que Vou Rifar Meu Coração adquire sua beleza comovente.

Fonte: Canal Brasil

Últimos Guias DVDs