Caro Francis
DIVULGAÇÃO

Caro Francis

Guias / Filmes - Redação Publicado em 06/01/2010, às 09h54 - Atualizado às 09h54

Nelson Hoineff

Uma visão sobre o polêmico jornalista que marcou a cultura brasileira

Paulo Francis (1930-1997) era chamado de elitista, preconceituoso, machista, esnobe, entreguista e coisas bem piores. Mas também era tido em alta conta por seus amigos e até seus detratores não podiam negar que o sujeito era genial, uma figura ímpar da cultura brasileira por quatro décadas. Este documentário tenta revelar várias facetas de Francis, o que, convenhamos, não é tarefa nada fácil. Nelson Motta, Ziraldo, Lucas Neto, Fernando Henrique Cardoso e outros que conviveram e trabalharam com o jornalista concordam que Francis não era brincadeira e podia agir como uma motoniveladora. Mas o documentário deixa claro que Paulo Francis era menos um jornalista e mais um showman, um intelectual desvirtuado que não apreciava a cultura do povo, mas adorava ser popular e para isso não se furtava em cometer excentricidades em frente às câmeras de TV. As performances e os comentários Politicamente incorretos de Francis no antigo Jornal da Globo e no Manhattan Connection são um dos pontos de venda do filme.

POR PAULO CAVALCANTI

Últimos Guias Filmes