Pulse
Mariene no mundo do samba

Quase Samba

Dirigido por Ricardo Targino

Guias / Filmes - Cristiam Peterman Publicado em 17/06/2015, às 15h20 - Atualizado às 15h25

Em um subúrbio genérico, Teresa (a atriz e cantora Mariene de Castro) canta sambas e protagoniza uma trama de relações com elementos muito atuais. Ela está no último mês de gravidez, mora com a amiga crossdresser

Shirley (Cadu Fávero) e a paternidade do bebê que carrega é disputada por dois homens, um hacker (João Baldasserini) e um miliciano (o cantor Otto, em participação de poucas falas e muita violência). O roteiro

é do diretor estreante em longa Ricardo Targino, que construiu um filme delicado em meio à rispidez urbana e de impressionante visual. Com enquadramentos inspirados, excelente direção de arte e bons e simples recursos, Targino faz um retrato sincero de um núcleo familiar não convencional. E embala tudo com deliciosa trilha sonora composta por Pupillo, baterista do Nação Zumbi, e com canções nas vozes de Céu, Arnaldo Antunes e do próprio Otto.

Últimos Guias Filmes