<b>EM BUSCA DO OURO</b> Rita Cadillac e admiradres em Serra Pelada
Divulgação

Rita Cadillac - A Lady do Povo

Guias / Filmes - Redação Publicado em 07/04/2010, às 07h05 - Atualizado às 14h19

Toni Venturi

O cinema finalmente faz jus a uma de nossas artistas mais populares

A rainha dos caminhoneiros e garimpeiros e madrinha dos presidiários ganha um retrato digno e humano nas telonas. Versão em longa de um média-metragem que Toni Venturi (Cabra-Cega) realizou para o programa Documenta Brasil, o filme mostra o lado real do mito e diferencia a Rita Cadillac da Rita de Cássia mãe, mulher e dona de casa, hoje com 55 anos. Explora-se bem o fenômeno de mídia que ela ainda representa, ganhando a vida, com muitos altos e baixos, como artista que vende aquilo que o brasileiro mais gosta: a bunda. De chacrete nos anos 1970/80 a atriz de filmes pornográficos, ela tem uma trajetória de lutadora e conta causos memoráveis. Venturi dispõe de ótimas imagens inéditas, como a incursão dela a Serra Pelada, e depoimentos de figuras como Rogéria, Dráuzio Varella e do cineasta Hector Babenco. Sem meias palavras também em seus momentos mais tristes, Rita revela-se uma mulher forte, repleta de carisma e força de vontade.

Christian Patterman

Últimos Guias Filmes