Mariana Rios e Fábio Porchat tentam fazer graça
Divulgação

Totalmente Inocentes

Rodrigo Bittencourt

Guias / Filmes - Christian Petermann Publicado em 13/09/2012, às 10h22 - Atualizado às 10h24

Comédia tenta fazer graça com filmes sobre favela, com resultados pífios

A premissa é boa: fazer uma sátira ao chamado “favela movie”, em um roteiro com referências a dois de seus mais conhecidos expoentes, Cidade de Deus e Tropa de Elite. Voltado ao espectador jovem, o humor se pretende politicamente incorreto, mas é apenas irresponsável: de um lado, um adolescente (Lucas d’Jesus) quer conquistar uma gata (Mariana Rios) e decide que para isso precisa roubar uma arma e tomar o morro do atual e perigoso traficante (Fábio Porchat); de outro, um jornalista (Fábio Assunção) quer garantir sua viagem a Cancún em dois dias e para isso forja uma matéria de capa colocando dois menores como o novo “terror do morro”. O filme tem final feliz, mas se arrasta em cima de comportamentos absurdos (e pouco engraçados), como o de uma editora de revista lésbica (Ingrid Guimarães) ou o de um traficante travesti (Kiko Mascarenhas), passando também pelo de uma delegada que dorme em serviço (Viviane Pasmanter).

Elenco: Fábio Porchat, Fábio Assunção e Mariana Rios

Últimos Guias Filmes