-

Football Manager 2013

Guias / Games - J.M. TREVISAN Publicado em 14/12/2012, às 17h43 - Atualizado às 17h45

Game viciante agora é casual

Football Manager é e continua sendo o simulador de futebol mais complexo da face da Terra. Assumindo o papel de técnico, você é responsável pelas facetas que envolvem a administração de um time – desde a escalação até os conflitos de egos, contratação de reforços e relacionamento com a mídia. E o melhor para nós: isso inclui os clubes das séries A, B e C do Brasileirão. Como sempre acontece, a nova versão traz pequenos ajustes, como a mudança no sistema de treinos, o aperfeiçoamento da interface, melhorias no mecanismo das partidas e a possibilidade de escolher o tom da resposta nas entrevistas coletivas (você pode optar pela calma apática de um Mano Menezes ou pela falta de paciência de um Muricy, por exemplo). Mas a grande novidade vai na contramão dessa complexidade: foi incluído o Classic, um modo enxuto, adequado a quem não tem tempo para cuidar das minúcias do modo principal. O que antes levava semanas passa a tomar dias, o que abriu portas para jogadores mais “casuais”. Outras adições também miram esse público. Há uma controversa loja virtual onde é possível comprar – com dinheiro real – vantagens dentro do game, algo fora de cogitação para os jogadores mais “sérios”. Também é possível jogar cenários curtos, em que a meta é superar marcas, como livrar um time do rebaixamento. Há ainda o modo Versus, em que você coloca seu time contra algum amigo online. Se o passar dos anos tornou Football Manager algo impenetrável para principiantes, a inclusão de modos mais básicos é um belo passo na busca por sangue novo. Mas também pode ser a “amostra grátis” que leva ao vício – um caminho que, como todo fã sabe, não tem volta.

Fonte: Sports Interactive / SEGA

Plataforma: PC

Últimos Guias Games