Harry Potter e a Ordem da Fênix

Harry Potter e a Ordem da Fênix

Guias / Games - Redação Publicado em 11/10/2007, às 18h13 - Atualizado em 12/10/2007, às 15h34

Mágico de festa infantil

Seja nas prateleiras das livrarias ou na tela do cinema, tudo o que a varinha de Harry Potter toca vira ouro. Já nos games o aprendiz de feiticeiro não consegue sequer tirar um coelho da cartola. A Ordem da Fênix, baseado no filme/livro homônimo, marca a primeira vez que um jogo recria todo o ambiente do campus de Hogwarts. O passeio virtual é fantástico, e o jogador conta com o auxílio de dois mapas (um real, que acompanha o DVD, e a versão na tela) para não se perder na majestosa recriação do colégio. Mas mesmo os fãs vão cochilar na terceira subida pelas escadarias que não acabam mais (há o recurso de usar atalhos, mas até que todos sejam descobertos, a paciência se esgotou). De resto, Harry perambula pela escola, mandando os mesmos feitiços que aprendeu no primeiro jogo/livro, com a adição de alguns golpes mais complexos. A boa dublagem em português impressiona pela semelhança com as vozes originais, mas escorrega no sotaque paulista.

Por André Gordirro

PC

Electronic Arts

01

08

2007

Últimos Guias Games