Divulgação

Lips: Party Classics

Guias / Games - Redação Publicado em 10/06/2010, às 10h12 - Atualizado às 10h18

Microsoft

Xbox 360

Só cantar não tem graça

A mais nova sequência do game de karaokê do Xbox não adiciona ingredientes novos à mecânica de jogo, mas dá um banho de loja no repertório. Agora, o foco do setlist (40 músicas, tal qual o primeiro Lips) está em hits de balada dos anos 80 e 90, com leves resvalos na década atual. Na prática, isso significa ter músicas de Right Said Fred e Gloria Gaynor lado a lado com James Blunt e Amy Winehouse, fato que não é exatamente absurdo se levada em conta a insistente onda de revivals que assola o planeta. O fato é que Lips continua sendo um game ideal para festas, e não muito mais que isso. Graças a sua superficialidade (ou falta de desafio), o nível de diversão está diretamente ligado à quantidade de álcool consumida pelos convidados – cantar e manter a afinação é mero detalhe quase sem importância. E tem outra: após a avalanche recente de jogos musicais com guitarras, baterias e afins, quem se contenta em apenas cantar?

Pablo Miyazawa

Últimos Guias Games