Pulse
No More Heroes: Heroes Paradise

No More Heroes: Heroes Paradise

Guias / Games - G.L. Publicado em 14/10/2011, às 12h57 - Atualizado às 13h24

Lisergia com letargia

O japonês goichi suda, conhecido na indústria dos games como Suda 51, é um homem com grandes ideias e que, apenas recentemente, encontrou uma equipe com as habilidades técnicas de realizar suas aventuras bizarras. No caso de More Heroes: Heroes Paradise, tanto Travis Touchdown – o assassino de aluguel que protagoniza o game – quanto o mundo em que ele habita e as caricaturas que ele enfrenta são visual e conceitualmente interessantes. O problema é que todos esses elementos estão aprisionados em um game incrivelmente chato de jogar. A essência está no combate sem ritmo, que consiste em espadadas repetitivas e é interrompido por missões secundárias das mais enfadonhas – incluindo, literalmente, catar coquinho. Tudo parece datado, dando a impressão de jogarmos um título criado em 1999. Felizmente, os games evoluíram muito desde então.

Fonte: Ubisoft

Plataforma: PlayStation 3

Últimos Guias Games