-
divulgação

27

Kim Frank

Guias / Livros - JOSÉ JULIO DO ESPIRITO SANTO Publicado em 09/03/2012, às 14h45 - Atualizado às 14h47

Angústias adolescentes alimentam o romance do músico e ator alemão

Brian Jones, Jimi Hendrix, Janis Joplin, Jim Morrison, Kurt Kobain, Amy Winehouse... A lenda segue. O rol de celebridades musicais amaldiçoadas com morte trágica aos 27 anos é título e ponto de partida do livro de Kim Frank. Em primeira pessoa e com uma narrativa tão desleixada quanto divertida, 27 entra fácil para a prateleira de literatura juvenil, atraindo a molecada afeita às vicissitudes do universo roqueiro. Para quem viveu tudo isso – seja como músico, seja fã –, o livro parece um diário ingênuo, sem deixar de causar simpatia condescendente e até certa nostalgia. Difícil não se lembrar de baladas homéricas ou da exploração de uma primeira gigantesca coleção de discos. 27 pode ainda ser considerado um rascunho de um segundo eu de Kim Frank. Líder e vocalista da banda Echt, Frank vivenciou ascensão e uma queda rápida na cena pop alemã, mas sua vida e carreira nao tiveram os excessos retratados na obra. Em 27, Mika, essa espécie de jovem alter ego do autor, se desvirgina para a música ao mesmo tempo que expõe suas agonias e escancara o medo universal da morte. Ainda por cima, isso tudo acontece em um momento impróprio, quando nos julgamos mais imortais – na adolescência.

Fonte: Tordesilhas

Últimos Guias Livros