A Fantástica Vida Breve de Oscar Wao, de Junot Díaz

A Fantástica Vida Breve de Oscar Wao

Guias / Livros - Redação Publicado em 06/08/2009, às 14h18 - Atualizado às 14h19

Junot Díaz

Record

Depois de intervalo, dominicano radicado nos EUA lança obra inovadora

Foram 11 anos de espera desde seu ótimo livro de estreia, Afogado, até Junot Díaz publicar livro vencedor do Pulitzer 2008. A obra conta a saga familiar de dominicanos emigrados nos EUA. O centro é o garoto Oscar, um nerd que sonha se tornar o “Tolkien dominicano”. É gordo, submisso, desajeitado, dissociado do mundo real através de sua imaginação sci-fi e repulsivo para as garotas. A narrativa retrocede e avança no tempo para explorar a história de toda a família, uma geração marcada pela brutalidade de Trujillo – o famoso ditador dominicano – e assombrada por uma folclórica maldição local denominada “fukú”. Em tempos em que o hibridismo é uma ordem, o romance de Díaz tem a rara capacidade de agregar as mais diversas referências e fazê-las convergir a favor da história de modo harmonioso: ficção científica, quadrinhos, mangás, animes, RPG e Oscar Wilde. Díaz cria uma atmosfera fantástica para tratar barbáries como o Trujillato ou a solidão que pode assolar um ser humano, como acontece com Oscar. O autor aborda temas como identidade, masculinidade e segregação. A linguagem, que também utiliza o recurso de expressões hispânicas, é viva, pulsante, terna e bem-humorada. Já os personagens têm carne e muita consistência.

POR MAURÍCIO DUARTE

Últimos Guias Livros