Divulgação

Cenas de uma Revolução

Guias / Livros - Redação Publicado em 10/08/2011, às 10h12 - Atualizado às 10h13

Mark Harris

L&PM

O renascimento de Hollywood é analisado em cinco filmes

O livro Easy Riders, Raging Bulls, de Peter Biskind, que no Brasil ganhou o título Como a Geração Sexo, Drogas e Rock and Roll Mudou o Cinema, é considerado o relato definitivo de como uma nova geração de diretores, atores e produtores iconoclastas promoveu uma revolução em Hollywood no final dos anos 60 e começo dos 70. Esta obra de Mark Harris também é essencial e complementa a de Biskind. Harris foca nas cinco produções que concorreram ao Oscar de melhor filme de 1967: A Primeira Noite de um Homem, Bonnie e Clyde – Uma Rajada de Balas, No Calor da Noite, Adivinhe Quem Vem para Jantar e O Fantástico Doutor Doolittle. Os quatro primeiros filmes eram iconoclastas e inovadores em formato e conteúdo. Já Doutor Doolittle não passava de um elefante branco, o tipo de produto fadado a desaparecer junto com a velha-guarda do cinema. Ao traçar paralelos entre esses filmes e seus criadores, Harris prova que Hollywood tinha que mudar de qualquer jeito, já que enfrentava uma forte competição do cinema europeu e precisava também se adaptar aos novos ventos da contracultura.

PAULO CAVALCANTI

Últimos Guias Livros