Divulgação

Da Rosa ao Pó

Guias / Livros - Redação Publicado em 11/07/2011, às 16h11 - Atualizado às 16h16

Gustavo Silva

Tinta Negra

O genocídio na antiga Iugoslávia ganha narrativa emocionante e intrigante

Em 2009, o jornalista paulistano Gustavo Silva, colaborador da Rolling Stone Brasil, visitou a Bósnia-Herzegóvina, palco de um dos mais sangrentos massacres dos tempos modernos. Em julho de 1995, forças sérvias executaram cerca de oito mil homens muçulmanos no vilarejo de Srebrenica. Além disso, promoveram pilhagens e estupros. O genocídio foi comandado pelo recém-capturado criminoso de guerra Ratko Mladi e fazia parte da limpeza étnica que por 15 anos varreu a região da antiga Iugoslávia. Gustavo foi in loco ver o que tinha restado da moral daquele povo. Da Rosa ao Pó, na verdade é uma grande reportagem. O autor relata a saga de famílias despedaçadas e traz à tona histórias macabras de 15 anos atrás, contadas por testemunhas que ainda trazem um profundo horror em sua alma. O olhar estrangeiro de Gustavo passeia por tamanha tragédia com curiosidade e carinho. A apresentação do livro é de Marcelo Adnet, aqui revelando sua pouco conhecida faceta de jornalista.

P. C.

Últimos Guias Livros