Um mergulho na obra do mutante músico inglês.
Divulgação

David Bowie e os Anos 70 – O Homem Que Vendeu o Mundo

Peter Doggett

Guias / Livros - Fabian Chacur Publicado em 19/01/2015, às 15h42 - Atualizado às 16h10

Existem inúmeros livros sobre David Bowie disponíveis no mercado, sendo alguns deles ótimos e outros nem tanto. O Homem Que Vendeu o Mundo é indispensável, especialmente para aqueles que buscam análises bem fundamentadas e muita informação. O britânico Peter Doggett (que editou a seminal revista Record Collector e é o autor de A Batalha pela Alma dos Beatles) mergulhou de cabeça na parte mais aclamada e influente da obra do músico, do single “Space Oddity” (1969) ao álbum Scary Monsters (and Super Creeps) (1980). O crítico analisa todos os discos lançados e todas as músicas gravadas pelo astro no período, inclusive aquelas não comercializadas oficialmente, com direito a detalhes sobre as gravações, acordes utilizados, inspiração de cada faixa, participação dos músicos e ênfase em fatos importantes de cada momento daquela era. Como complemento, há um excelente panorama geral da carreira de Bowie, desde o início, nos anos 1960, até 2011, tudo pontuado por um texto fluente.

Fonte: Editora Nossa Cultura

Últimos Guias Livros