Haja Saco, o Livro, por Alê Duarte, Fabio Chiorino, Gilberto Amendola, Marc Tawil e Mauricio Duarte dos Santos

Haja Saco, o Livro

Guias / Livros - Redação Publicado em 03/09/2009, às 12h13 - Atualizado às 12h14

Alê Duarte, Fabio Chiorino, Gilberto Amendola, Marc Tawil e Mauricio Duarte dos Santos

Editora Multifoco

Amigos de festejado blog migram para o papel com bons resultados

“Livro não enguiça”, escreveu Millôr. E não sai do ar. Livro 1 x 0 internet. O blog Haja Saco reunia as crônicas, contos e poemas de cinco amigos jornalistas. O critério de seleção para publicar o material na rede: cada um escrevia num dia útil da semana. Na web, eles conseguiram fazer nome e praticar, afinando o texto e atingindo o grande público. Livro 1 x 1 internet. Seguindo a tendência de autores que conseguem sucesso no mundo virtual, perceberam que o texto só para em pé e fica forte quando se alimenta de papel (ok, a teoria é minha, não deles). Depois de uma seleção, o livro nasceu, com uma divisão mais livre, em seis tópicos. No capítulo “A Fama. Dos Outros”, é possível entender por que um dos autores quase jogou futebol com Chico Buarque e quais os motivos que levam outro a desejar comer a cantora Elza Soares. “Em Minha Vida Ficaria Melhor Se Eu Não Tivesse Nascido”, eles desfilam algumas tristezas, relatam a trajetória de uma bala perdida e contam os últimos minutos de vida do Charlie Brown (ele mesmo, o “pai” do Snoopy). Pelo volume, destaque para bonitas cartas de amor, muita desilusão, relatos sacanas da noite paulistana e dez textos inéditos, escritos para este Haja Saco de papel. E hoje quem procurar os caras no hajasaco.zip.net irá encontrar uma mensagem explicando que a página morreu. Mas o livro não. Livro 2 x 1 internet. E fim de jogo.

POR ANDRÉ RODRIGUES

Últimos Guias Livros