O Resto É Ruído

O Resto É Ruído

Guias / Livros - Redação Publicado em 10/05/2009, às 08h52

Alex Ross

Companhia das Letras

Uma espantosa jornada musical através da história do mundo

Entender o século 20 com os ouvidos. Essa é a proposta do crítico de música da revista New Yorker, Alex Ross, em O Resto É Ruído. É a história do século passado contada através de sua herança musical. Especialista em música erudita, é por ela que Alex se guia em sua narrativa. Ele se debruça sobre os principais nomes e movimentos da música clássica, mas não para colocá-la como protagonista do

convulsivo século 20. Para ele, a própria classificação de “música erudita” esvaziou seu próprio sentido, dado o poder que atualmente os diversos gêneros musicais têm de inf luenciarem uns aos outros.

Tudo ressoa em tudo. É assim que, com precisão de bom jornalista e o profundo conhecimento de um historiador apaixonado, Alex demonstra que podemos encontrar ressonâncias da música erudita no jazz, no rock e até no hip-hop. Dessa forma, a história do mundo também ecoa em sua produção musical e vice-versa. O livro alia o toque do crítico que disseca a música pelo lado técnico com a capacidade

de escritor para manter o texto fluente e interessante mesmo para o leitor mais leigo. O recado de Alex é que, como em qualquer arte produzida pelo homem, mesmo que de maneira inconsciente, a música está umbilicalmente ligada aos acontecimentos que movem os moinhos da história da civilização, de Hitler a

China atual, de Richard Strauss a Velvet Underground.

MAURICIO DUARTE

Últimos Guias Livros