-
divulgação

Os Imperfeccionistas

Tom Rachman

Guias / Livros - ANDRÉ RODRIGUES Publicado em 13/04/2012, às 11h58 - Atualizado às 12h01

Em primeiro romance, jornalista fala de pessoas envolvidas na crise da imprensa

Essa história de que jornais e revistas estão em crise é notícia velha. A internet tem sido apontada como vilã porque mudou o hábito dos consumidores e estraçalhou o mundo daqueles que se dedicam a produzir histórias em papel. Porém, talvez esse estado de letargia de certos veículos de comunicação seja também reflexo dos próprios jornalistas, esses profissionais “tão melindrosos quanto artistas de cabaré e tão teimosos quanto operários” – como menciona um dos personagens deste Os Imperfeccionistas. O primeiro livro de Tom Rachman – que foi correspondente da Associated Press em vários países e editor do International Herald Tribune em Paris – mostra a melancólica e perturbada vida de 11 pessoas envolvidas intimamente com um decadente jornal de língua inglesa editado em Roma. Cada capítulo traz a rotina desses personagens contaminados pela solidão, fracassos amorosos e frustrações profissionais. Em comum, todos os personagens enfrentam algum tipo de crise ou mudança de vida. Perfilando redatores, repórteres, editores e até mesmo uma idiossincrática leitora, Rachman despe o jornalismo de qualquer aura heróica, sem uma nota de autocomiseração, encarando com dureza – mas também com graça – esse momento capital da imprensa.

Fonte: Record

Últimos Guias Livros