'ACORDA PEDRINHO': Jovem Dionisio relembra perrengues e loucuras da semana após o hit

Em uma semana, quinteto curitibano experimentou um sucesso meteórico que mudou a vida dos integrantes; entre entrevistas e shows lotados, o Jovem Dionísio conta os bastidores nem sempre glamorosos do sucesso: 'A mesma cueca há três dias'

Eduardo do Valle (@duduvalle) Publicado em 27/05/2022, às 17h37 - Atualizado em 30/05/2022, às 11h15

Jovem Dionísio: fama e perrengues em uma semana de hit
Divulgação

Ber Pasquali acordou com uma ligação do irmão no último sábado (21). Do outro lado da linha, gritos emocionados: "é top 1, p*rra!" É quase automático o trocadilho com "Acorda Pedrinho," a música do Jovem Dionisio que conquistava a primeira posição do chart do Spotify naquele dia. Diferente de Pedrinho, porém, Pasquali acordava ali para uma semana que mudaria sua vida - e também a de seus companheiros de banda, Gustavo Karam, Ber Hey, Rafael "Fufa" Mendes e Gabriel "Mendão" Mendes.

A essa altura, muito já se falou sobre o hit meteórico do quinteto curitibano, que passou à frente de nomes consolidados como Gusttavo Lima e Luan Santana, e ascendeu a uma rara liderança de uma banda pop no Brasil. Para os rapazes, a história foi diferente. Da noite para o dia, eles ganharam fãs em todo o país. Agendas lotadas, shows esgotados, pedidos de entrevista e viagens sem data para voltar:

+++ LEIA MAIS: Jovem Dionísio: 'ACORDA PEDRINHO' vira hit viral no TikTok

Jovem Dionísio no 'Encontro', da Rede Globo (Divulgação)
Jovem Dionísio no 'Encontro', da Rede Globo (Divulgação)

 

"A gente saiu para o aeroporto sábado, 3h30 da manhã, achando que a gente ia só fazer um bate-e-volta, tocar no Domingo Legale voltar pra Curitiba, e só voltamos hoje (quarta)", disse Karam em conversa com a Rolling Stone Brasil. Na correria, esqueceram até meias e cuecas, que compraram no caminho: "eu tava com a mesma cueca há três dias", relembra Pasquali. "Você olha a entrevista [no programa Encontro, da Rede Globo] com a Fátima Bernardes e tá todo mundo com a mesma meia: a gente comprou um pacote e cada um pegou uma", diverte-se Hey.

+++ LEIA MAIS: Metallica: Bebê que nasceu no show de Curitiba ganha nome em homenagem ao vocalista da banda

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Jovem Dionisio (@jovemdionisio)

 


Jovem Dionísio: no topo do mundo

Apesar de não ser necessariamente uma surpresa ("Acorda Pedrinho" já vinha crescendo nas últimas semanas), é uma virada em 180° para o cotidiano do grupo. De fato, o sábado em que atingiram o top 1 era o lançamento da primeira turnê nacional, na abertura do Festival Coolritiba, no palco emblemático da Pedreira Paulo Leminski em Curitiba.

"A gente tava nervoso porque nosso show era às 14h e às 14h e os portões ainda não tinham aberto", conta Pasquali. "Começamos a tocar para um público pequeno, na grade, e quando os portões vimos as pessoas correndo, a poeira da Pedreira levantando, e acabamos com um show lotado, com a plateia respondendo nossas brincadeiras", lembra Karam. De uma hora para a outra, o Jovem Dionisio estava com o primeiro show da turnê lotado e um hit liderando as paradas brasileiras: "um presentinho da vida", segundo Ber Hey.

Jovem Dionísio (Divulgação)
Jovem Dionísio (Divulgação)

 


Jovem Dionísio, além de "...Pedrinho"

Enquanto ingressos da turnê esgotam dia a dia, os rapazes do Jovem Dionisio aproveitam a nova fase sem grandes planos além do básico: "queremos fazer shows, tocar bem para nosso público", diz Karam. Porém há uma estratégia, traçada quase despretensiosamente muito antes dos dias de festivais, TVs e entrevistas: o repertório da banda. Içados pela explosão de "Acorda Pedrinho," hits antigos do quinteto curitibano começam a fazer novos fãs nesse momento:

"['Acorda Pedrinho'] puxou tudo, é impressionante! Parece que pegou todas as outras músicas", reflete Karam. "'Pontos de Exclamação' até então era o maior ponto de nossa carreira, nossa referência. A gente pensava que o que aconteceu com 'Pontos...' talvez fosse o maior lugar em que iríamos chegar e tudo bem, mas agora, do nada, 'Pontos...' tá no Top 200 do Brasil, na posição 140 ou 130, acho", diz Pasquali. Nesta sexta (27), a música ocupava a 118ª posição.

"Nós temos mais músicas, sempre nos preocupamos em gravar bastante, lançar visualizers, então quem se interessar por nosso som através de 'Acorda Pedrinho' vai ter o que ouvir quando entrar em nosso perfil", contam. Movimento calculado de músicos para além de um "Acorda Pedrinho" - o Jovem Dionisio não dorme no ponto.

Confira o vídeo completo da entrevista abaixo:

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Rolling Stone Brasil (@rollingstonebrasil)

.