Adele: Os amores e desamores que inspiraram o disco 30

Conheça as principais temáticas do próximo disco de Adele, previsto para novembro de 2021

Redação Publicado em 30/01/2022, às 18h00

None
Adele (Foto: Jordan Strauss / Invision / AP)

Se tem alguém que sabe escrever e cantar sobre corações partidos da vida, essa pessoa é Adele. Desde o disco de estreia, 19 (2008), a cantora e compositora inglesa explora a temática de forma sensível e cativante.

No novo disco, batizado de 30, Adele fala sobre divórcio, amor-próprio e maternidade. Fernanda Soares, apresentadora do Tretas TNT e criadora do canal Hollywood Forever TV, filmou um vídeo para a Rolling Stone Brasile falou sobre como cada tema afetou a vida e o próximo álbum da cantora.

+++ LEIA MAIS: Adele: Single, data de lançamento e tudo que sabemos sobre disco 30 [LISTA]

A partir desse conteúdo, separamos tudo que você precisa saber sobre os amores e desamores de Adele para entender o disco 30. Confira:

emebed

O "culpado" pelas tempestades emocionais

Em entrevista à Vogue, Adele revelou ter passado por um período turbulento enquanto criava 30. Com a terapia, a artista passou a refletir sobre os relacionamentos dela e o "culpado" pelas tempestades emocionais.

+++ LEIA MAIS: Adele: Qual o melhor disco da cantora, segundo a crítica?

"Então, meu relacionamento com os homens em geral, minha vida inteira, sempre foi: 'Você vai me machucar, então eu vou te machucar primeiro.' É apenas tóxico e me impede de realmente encontrar qualquer felicidade.”

Adele também disse: “Percebi que era o problema. Todos os outros álbuns são tipo: 'Você fez isso! Você fez isso! F*da-se! Por que você não pode vir para mim? Então pensei: 'Oh, m*rda, sou o tema principal, na verdade. Talvez seja eu!"

+++ LEIA MAIS: Adele voltou? Cantora atualiza redes - e aumenta rumores sobre próximo disco; entenda


Divórcio de Adele e Simon Konecki

Adele foi casada com o executivo Simon Konecki por dois anos, teve um filho e preencheu o divórcio em 2019. Para a artista, a separação teve um efeito similar ao da pandemia de covid-19.

“Todo mundo teve que enfrentar muitos de seus demônios, porque eles tinham muito tempo em mãos sem nada para distraí-los. Eles tiveram que se enfrentar de forma isolada. Enquanto eu fiz isso no ano anterior.”

+++ LEIA MAIS: Adele responde perguntas sobre divórcio no próximo disco: 'Preciso escrever sobre mim agora'

A artista disse que o divórcio foi o mais tranquilo possível e ainda convive com o marido - o qual mora na mesma rua dela, em uma casa na qual a cantora comprou para ele. Adele confessou não ter criado 30 pensando em "um disco de divórcio."

“Ele não é um dos meus ex-namorados. Ele é o pai do meu filho,” disse a artista. “Foi mais eu me divorciando de mim [risos]. Apenas sendo tipo: 'V*dia, p*rra de uma bagunça, se recomponha!"

+++LEIA MAIS: 5 melhores músicas de Adele, segundo a Billboard: de ‘Hello’ a ‘Rolling in the Deep’ [LISTA]


Relação de Adele e o filho Angelo

Adele também fala sobre maternidade no disco e manda mensagens para o filho Angelo ouvir quando for mais velho. "Ele tem tantas perguntas simples que não posso responder, porque não sei a resposta. Tipo: 'Por que ainda não podemos morar juntos?' Isso não é o que as pessoas fazem quando se divorciam. 'Mas porque não?' Eu fico tipo: 'Eu não sei, p*rra."

Adele escreveu uma música para o filho após um episódio marcante. “[Aos seis anos] ele disse na minha cara: 'Você pode me ver?' E eu estava tipo: 'Uh, sim.' E ele disse: 'Porque eu não consigo te ver.' Bem, minha vida inteira desmoronou naquele momento. Ele sabia que eu não estava lá. Foi quando comecei a compartilhar com ele."

+++ LEIA MAIS: Adele: Brasileiros 'invadem' live da cantora para cobrar dinheiro de Martinho da Vila