Any Gabrielly relembra trajetória com Now United: 'As diferenças são muito celebradas' [ENTREVISTA]

Aos 19 anos, a cantora, dançarina e atriz Any Gabrielly também falou sobre responsabilidade nas redes sociais em entrevista à Rolling Stone Brasil

Redação Publicado em 19/11/2021, às 11h01

None
Any Gabrielly (Foto: Mateus Aguiar)

Com apenas 19 anos, Any Gabrielly tem muita história para contar - seja da carreira ou das experiências pessoais ao redor do mundo. Junto do Now United, grupo musical que a artista integra desde os 14 anos, tornou-se uma referência para milhões de jovens e adolescentes de diversos países.

Primeiro grupo pop global, que traz integrantes de diferentes nacionalidades, o Now United  é um sucesso internacional absoluto e coleciona números incríveis nas plataformas digitais, como os mais de 2 bilhões de visualizações no canal do YouTube. No grupo, Any Gabrielly é a responsável por representar o Brasil - e faz isso com responsabilidade. 

+++LEIA MAIS: VMA: Any Gabrielly, do Now United, é primeira brasileira a concorrer na premiação da MTV: 'Meu sonho desde pequena'

Em entrevista à Rolling Stone Brasil, a cantora relembrou os cinco anos de trajetória com o Now United, explicando a importância da união de integrantes de diversos países em um grupo musical: "Nós [Now United] somos a prova que a gente [o mundo] pode se unir, se respeitar e conviver independente das nossas diferenças. [...] No Now United, as diferenças [culturais] são muito celebradas."

Any Gabrielly, porém, não deixou de pontuar sobre a responsabilidade de representar um lugar tão diverso quanto o Brasil: "Representar um país é uma responsa. Ainda mais um país tão interessante como o Brasil, o Brasil tem tantas cores, muitos aspectos diferentes sobre ele. E eu fico pensando: 'Como que eu vou levar tudo isso  para galera lá de fora? Como eu, uma pessoa só, represento tudo isso que o Brasil é?'."

+++ LEIA MAIS: ENTREVISTA: como Any Gabrielly conquistou a Disney e o mundo antes de alcançar a maioridade

Com mais de 6 milhões de seguidores no Instagram, a artista tornou-se uma fonte de inspiração para diversos jovens e adolescentes. Segundo a própria contou, há uma "leve pressão definitivamente" em como se posicionar nas redes sociais - e, para ela, é preciso encontrar um equilíbrio para que as pessoas não "invadam a sua privacidade." 

"Eu tinha muito medo de errar, porque eu falava: 'Nossa, essas pessoas estão se inspirando em mim e eu estou errando aqui. Essas pessoas vão ver tudo errado. Sou uma péssima influencer.' Mas, na verdade, é isso, estou aprendendo e eles também. A gente vai aprendendo junto," disse.

+++ LEIA MAIS: Como o TikTok já mudou e vai mudar ainda mais a música pop?

Mas, não deixa de alertar sobre as dificuldades em relação à exposição nas redes sociais: "A partir do momento que você mostra suas vulnerabilidades, as pessoas podem invadir o seu espaço. Elas dão mais opiniões, elas realmente sabem as suas fraquezas, então elas podem usar isso contra você."

Any, ainda, reconhece a importância das plataformas digitais para a comunicação internacional e, claro, para se aproximar dos fãs: "A dimensão que a minha carreira tem hoje, eu devo muito às redes sociais." Ela acrescenta: "O Now United é muito mais que só a música, a gente tem uma mensagem a passar, a gente tem algo a dizer com o projeto. Então, é muito importante que a gente acompanhe o que está acontecendo."

+++ LEIA MAIS: Teoria bizarra aponta que Moana estava morta durante todo o filme da Disney; entenda

Assista à entrevista completa da Rolling Stone Brasil com Any Gabrielly: