Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Bob Marley: Família 'nunca venderá' catálogo de músicas do cantor: 'Lutamos muito'

Rohan Marley, filho de Bob Marley, revelou planos da família para direitos do cantor

Bob Marley (Foto: Reprodução / Multishow)
Bob Marley (Foto: Reprodução / Multishow)

Bob Marley não terá catálogo de músicas vendido. Conforme Rohan Marley, filho do ícone do reggae, revelou à Rolling Stone Brasil, luta pelos direitos após morte do pai fez família valorizar posse. 

"Meu pai não tinha um testamento, então não havia dinheiro. Não quis estressar minha família, então, achei meu caminho pelo futebol. Juntamos dinheiro e compramos os direitos de volta, é assim que funcionou. Custou alguns milhões de dólares e éramos muito jovens, precisamos pegar emprestado," explicou Rohan, que é empresário e jogou futebol americano profissionalmente após conseguir bolsa de estudos na Universidade de Miami.

+++ LEIA MAIS: Rohan Marley busca continuar legado do pai, Bob Marley, com irmãos: 'Queremos essa responsabilidade'

Para ele, é essencial ter a família por perto na administração do catálogo musical e do nome Marley. Acordos milionários, como no caso de Bob Dylan, não seduzem Rohan: "Alguém poderia ter comprado o legado e o catálogo de Bob Marley, mas nós não deixaremos. Nunca venderemos."

"A família lutou muito, então, não nos vendemos pelo dinheiro. Trabalhamos muito duro para isso e não é nosso direito colocar um preço no que nosso pai fez," completou.

+++ LEIA MAIS: 5 curiosidades sobre Bob Marley: futebol, atentado e mais [LISTA]

Confira entrevista completa de Rohan Marley à Rolling Stone Brasilaqui.

Artistas negociam catálogo de músicas por valores milionários

Justin Timberlake vende seu catálogo de músicas para Hipgnosis Song Management, com parceria de fundos bancada pela Blackstone Inc. O valor do acordo é desconhecido, mas pode passar a marca de 100 milhões de dólares.

+++ LEIA MAIS: Mötley Crüe vende catálogo de músicas por US$ 150 milhões; veja outros músicos que negociaram direitos [LISTA]

Bruno Mars, Shakira, Neil Young, Bob Dylan e Mötley Crüe também venderam direitos nos últimos anos.

A tendência tem sido popular entre artistas mais antigos que deixaram seus legados musicais nas mãos de empresas de música enquanto recebiam enormes somas de dinheiro para si e suas famílias.

Enquanto os artistas recebem um pagamento imediato, compradores como Hipgnosis se beneficiam da renda passiva de um sucesso genuíno para ganhar dinheiro sobre royalties de artistas que vão de Barry Manilow a Beyoncé