Da One Direction ao Fine Line: como Harry Styles se tornou um ícone da moda

Harry Styles se destacou no mundo música e também chamou atenção de grandes nomes da moda ao ousar nos visuais autênticos

Mariana Rodrigues (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 29/08/2021, às 15h00

None
Cantor Harry Styles no iHeart Music Festival (Foto: Kevin Winter/Getty Images for iHeartMedia)

De participante do The X Factor a um dos maiores nomes da música: ao longo de mais de uma década, Harry Styles mostrou para o mundo toda sua personalidade, refletida não apenas nas canções, mas também no jeito de se vestir.

Desde o início da carreira, quando entrou para One Direction em 2010 e ficou em terceiro lugar no reality ao lado de Louis Tomlinson, Niall Horan, Liam Payne e Zayn Malik, Styles evoluiu em todos os sentidos. O grupo iniciou um hiato em 2015, mas todos os integrantes seguiram em projetos solos.

+++ LEIA MAIS: As 6 melhores músicas do disco Harry Styles: 'Woman', 'Kiwi' e mais [LISTA]

A partir de então, o músico teve mais liberdade para experimentar novos estilos. Em 2017, lançou o primeiro disco solo, Harry Styles. E em 2019, o segundo, Fine Line. Com músicas completamente diferentes das composições na época da One Direction, Styles mergulhou no pop rock e não escondeu as novas inspirações nas roupas.

Deixando um pouco de lado o visual simples - e previamente penejado para ornar com os outros integrantes da banda - o cantor ousou em conjuntinhos de marcas como Gucci,  tornando-se um ícone fashion do mundo da música. Com transparências, babados, cores e muitos acessórios, Styles criou um estilo original e característico que chama cada vez mais atenção do universo da moda.

+++ LEIA MAIS: Harry Styles, BTS e mais: os artistas do Grammy 2021 mais comentados no Twitter

Primeiros anos na One Direction

É inegável o fato de que Harry Styles sempre se destacou entre os outros integrantes da One Direction. Seja pelo senso de humor, potência vocal ou acessórios e peças ousadas que vestiu em shows e premiações - é quase impossível passar despercebido. No entanto, durante os primeiros anos da banda, o processo era mais coletivo, impedindo a liberdade individual. 

one direction
One Direction (Foto: Andreas Rentz/Getty Images)

 

One Direction não apenas "ressuscitou" o formato das boy bands como Backstreet Boys e 'N Sync na música como também na estética. Desde o início do The X Factor, os figurinos dos integrantes eram combinados para criarem uma harmonia. Blazers, calças sociais, suspensórios e tênis eram comuns, principalmente em uma mesma paleta de cores.

+++ LEIA MAIS: Harry Styles e a sensual apresentação de 'Watermelon Sugar' marcaram a abertura do Grammy 2021

Styles não se arriscava muito em diferentes composições de peças - o esperado para um adolescente comum, afinal tinha apenas 16 anos na época. O visual nas ruas era bem casual,  principalmente com jeans e moletons, enquanto nos palcos a composição era mais elegante.

Encontrando a autenticidade

A partir de 2013, cantor começou a inovar mais no estilo. Peças estampadas, chapéus e o próprio cabelo mais longo se tornaram marca registrada. Aos poucos, ficava cada vez mais evidente como Styles se destacava dos outros integrantes.

+++ LEIA MAIS: De ex-One Direction ao Grammy 2021: Relembre a carreira de Harry Styles, primeira vez indicado à premiação

one direction
One Direction (Foto: Jason Merritt/Getty Images)

 

Quando a One Direction entrou em hiato e ele lançou o primeiro projeto solo não demorou muito para chamar a atenção não apenas da indústria musical, como da moda também. Styles abandonou o visual minimalista usado em shows como a tradicional camiseta branca com jeans skinny preto por sofisticados e coloridos ternos.

Alessandro Michele, estilista e diretor criativo da Gucci, não deixou passar batido e convidou o cantor para estrelar campanhas da marca. Em pouco tempo, Styles tornou-se a nova cara da grife italiana, vestindo as peças em diversos eventos e premiações.

+++ LEIA MAIS: 5 participações icônicas de cantores no Saturday Night Live, de Justin Bieber a Harry Styles [LISTA]

harry styles no met gala
Harry Styles (Foto: Dimitrios Kambouris/Getty Images)

 

Enquanto em Harry Syles fica claro as influências do rock, Fine Lineretoma o pop com um estilo nostálgico dos anos 1970 - e mais uma vez isso ficou evidente nas roupas de Styles. Calças com boca larga, top croppeds, crochê e suspensórios entraram para o guarda-roupa do artista.

Nesse mesmo ano, cantor foi capa da Vogue usando um vestido azul e bufante da Gucci. Algo que gerou diversos comentários na internet, não apenas sobre o visual, mas também sobre a sexualidade. No entanto, Styles não se importa e deixou bem claro como as roupas não estão relacionadas a isso e apenas as usa porque gosta.

+++ LEIA MAIS: 4 motivos para se apaixonar por Harry Styles [LISTA]

"Em termos de como eu quero me vestir, e como será a capa de um álbum, tendo a tomar decisões baseadas nos colaboradores com quem quero trabalhar. Quero que as coisas pareçam algo específico. Não porque me deixa com aparência de gay, ou hétero, ou bissexual, mas porque acho que fica cool [descolado]," revelou à Vogue.

Apesar de não ser o pioneiro no quesito em usar roupas sem se importar com o gênero, não há como negar que Styles foi um importante personagem para a propagação desse estilo. Em comparação com o garoto de 16 anos participando de um reality de música, é visível a evolução do cantor vencedor do Grammy na música e na moda.

harry styles no grammy
Harry Styles (Foto: Kevin Winter/Getty Images)

+++ CONFIRA TUDO SOBRE A BANDA 5 SECONDS OF SUMMER!