David Bowie: 5 curiosidades sobre o astro; grande medo, carreira no cinema e mais [LISTA]

Um dos maiores astros da música, David Bowie completaria 75 anos neste sábado, 8 de janeiro

Marina Sakai (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 08/01/2022, às 11h00

None
David Bowie na Glass Spider Tour (Foto: Elmar J. Lordemann / Wikimedia Commons)

David Bowie foi um dos maiores artistas da história da música — a Rolling Stone EUA, inclusive, classificou-o na 39ª posição da lista de 100 Maiores Artistas do Rock de Todos os Tempos, em 2004. Com sua excentricidade, músicas inovadoras e conceitos quase extra-terrestres, o cantor se reinventava constantemente, por isso ganhou o apelido de Camaleão do Rock, e influenciou bandas que viriam depois de seu tempo.

Bowie morreu aos 69 anos, em 10 de janeiro de 2016. No entanto, completaria 75 anos neste sábado, 8 de janeiro. Pensando nisso, a Rolling Stone Brasil separou quatro curiosidades sobre o cantor que moldou a música do Século XX. Confira abaixo:

+++LEIA MAIS: eatles: O dia em que Paul McCartney, John Lennon e David Bowie quase formaram supergrupo [FLASHBACK]

 
 
 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by David Bowie (@davidbowie)


Quase foi Sir

A Rainha Elizabeth II honrou David Bowie com o título de cavaleiro, ou Sir, da Inglaterra, assim como outros astros britânicos, como Paul McCartney e EltonJohn. O cantor, no entanto, recusou o título e explicou ao jornal The Sun como "realmente não entendia para que servia."


Tinha medo de chás

Bowie tinha uma fobia bastante peculiar: medo de chás. Rumores dizem que o cantor sofreu uma experiência traumática envolvendo a bebida durante a infância e, na vida adulta, tolerava apenas um tipo, o chá-verde japonês. 

+++LEIA MAIS: A extravagante turnê de David Bowie com aranhas gigantes, ensaios de 12 horas e mais [FLASHBACK]


Carreira no cinema

Além de todo o sucesso na música, o Camaleão do Rock também teve uma carreira no cinema. Seu primeiro papel foi em O Homem que Caiu na Terra (1976), no qual interpretou Thomas Jerome Newton. Também viveu Jareth em Labirinto (1986) e Pôncio Pilatos em A Última Tentação de Cristo (1988), de Martin Scorsese.


Língua própria

Além de roupas chamativas, cabelos chocantes e maquiagens elaboradas, outros elementos também faziam parte da excentricidade de Bowie. O cantor criou, por exemplo, um idioma próprio em 1977, como parte do conceito do disco Low, evidente especialmente na música "Subterraneans." Ouça abaixo:

+++LEIA MAIS: O dia em que George Harrison, Bob Dylan e David Bowie foram ao show de Elvis Presley [FLASHBACK]